Internaticonal

Pep Guardiola acusado de conduta imprópria pela UEFA

O Liverpool FC também está sob alçada disciplinar e terá de responder pelo comportamento dos adeptos
A UEFA acusou esta quarta-feira Pep Guardiola, treinador do Manchester City, de conduta imprópria na sequência da expulsão do banco do treinador espanhol no jogo com o Liverpool FC para a Liga dos Campeões, da 2ª mão dos quartos de final da Liga dos Campeões.

Os detalhes da “conduta imprópria” não foram especificados, mas as imagens televisivas mostram o treinador espanhol, sentado nas bancadas, aparentemente em contacto com o treinador-adjunto no banco do City.

O organismo máximo que tutela o futebol europeu acusou também o Liverpool FC de usar material pirotécnico e de lançar objetos para o relvado. O clube inglês terá de responder pelo comportamento dos adeptos.

O Liverpool FC já tem outra acusação da UEFA, relacionada com os incidentes ocorridos na primeira mão da eliminatória em que o autocarro do Manchester City foi visado pelos adeptos do clube inglês.

Adiciona um comentário